Amor Verdadeiro


Amor VerdadeiroPara que um relacionamento dure a vida toda é preciso que o amor entre o casal seja verdadeiro, que haja fidelidade, compreensão, companheirismo, entre outros fatores essenciais para a solidez da união.

De acordo com um trecho de um dos vários pensamentos do autor Carlos Drummond Andrade, muitas pessoas apaixonam-se várias vezes durante a trajetória de sua vida, porém poucos são os indivíduos que amam ou encontram o amor verdadeiro.

Em “O Perfil da Família de Deus”, o bispo Edir Macedo explica que os casamentos que são motivados apenas pela paixão normalmente fracassam. Ele acrescenta que é por esta razão que o matrimônio tem sido considerado por muitos como sendo uma instituição falida.

Na obra, o bispo esclarece também que quando o casamento é realizado sobre a base da fé bíblica, somada a uma compatibilidade de idade, pensamentos, ideais e temperado com um mínimo de simpatia de ambas as partes, tem tudo para dar certo.

A autora Cristiane Cardoso afirma, em seu livro “Melhor do que comprar sapatos”, que o amor sincero não se encontra em cada esquina ou em todo relacionamento. “Não porque as pessoas não o queiram, mas porque não o conhecem de fato”, comenta.

O amor não é um jogo de interesses, pelo contrário, é uma troca. É saber compartilhar as dificuldades juntos, enfrentar barreiras e perseverar para alcançar seus objetivos. “Pensam que o amor consiste em receber, conquistar, preencher-se e beneficiar-se dele, enquanto o verdadeiro amor é exatamente o oposto de tudo isso!” Ela diz ainda que o amor sincero consiste em dar e não esperar algo em troca. “É paciente e nunca busca os seus próprios interesses”, declara.

A autora ressalta também na obra que tão certo como Deus vive, Ele deseja que todos tenham um casamento e família abençoados. “É o plano dEle para cada ser humano”, frisa.

“O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.” (I Coríntios 13:4-7)

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión /  Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión /  Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión /  Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión /  Cambiar )

Conectando a %s